quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Dilma é vaiada em Brasília




A presidente Dilma Rousseff foi vaiada nesta terça-feira por participantes da 3ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, que ocorre em Brasília. 
Durante o discurso, a presidente ressaltava as possibilidades que a tecnologia dava para melhorar a vida dessas pessoas quando usou a expressão que causou a reação da platéia. “Eu fiquei muito impressionada como a tecnologia pode nos ajudar a dar condições melhores de vida, melhores oportunidades para portadores de deficiência”, disse. 
Na sequência começou um burburinho entre os participantes que culminou na vaia a presidente.
Percebendo o equívoco, Dilma logo se desculpou e corrigiu a frase. “Desculpa, desculpa… pessoas com deficiência”, esclareceu e, com um sorriso, emendou: “Não, eu entendo que vocês tenham esse problema, porque portador não é muito humano, não é? E pessoa é, então é um outro tratamento. 
A primeira vez que eu vi vocês protestarem, eu fiquei pensando porque era. Aí, cheguei a essa conclusão, espero que seja a conclusão certa”, declarou sob aplausos.
Ainda durante o discurso, a presidente falou sobre as políticas que estão sendo implementadas pelo governo federal para as pessoas com deficiência e destacou o programa “Viver sem Limites” – Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. 
Segundo Dilma o programa pretende investir cerca de R$ 7,6 bilhões nas áreas de saúde, educação, de acessibilidade e trabalho. “Nós consideramos que, na questão da distribuição, na questão do desenvolvimento do país, essas ações que tratam das pessoas com deficiência, essas ações têm uma importância fundamental”, salientou.

Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário